quinta-feira, 2 de julho de 2020

PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE



Assim continuou a visita ao 

MUSEU ao AR LIVRE em GÖREME

uma colecção em forma de anel 

de igrejas em penhascos vulcânicos








lá fiquei na foto para mais tarde recordar

TREASURES OF TURKEY





como em qualquer outro lugar turístico 

ali encontrei uma loja de venda de souvenirs

para comprar alguns tesouros da Turquia









Olhando em redor tudo aquilo me fascinava!

Uma paisagem como nunca tinha visto.













na imagem eu estava completamente "protegida"

uma árvore cheia de pedras contra o mau olhado






aqui está o símbolo do PATRIMÓNIO MUNDIAL 

ou PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE 

mais um pelo Mundo, 

para a minha colecção destes lugares visitados



sábado, 6 de junho de 2020

MUSEU AO AR LIVRE DE GOREME



GOREME OPEN AIR MUSEUM


ao terminar o outro post eu bem escrevi

o próximo dia promete 

e, no 5º dia de viagem 

bem cedo, chegamos ao vale de Goreme. 

Nós em terra, mas já alguns balões pelo ar...




O Museu ao ar livre de Goreme 

faz parte da lista 

de PATRIMÓNIO MUNDIAL DA UNESCO 

desde 1984 e está entre os dois primeiros sítios 

da TURQUIA a fazer parte desta lista








o principal deste museu são 

várias igrejas esculpidas nas rochas, com frescos








no início da visita o Guia pediu para nos sentarmos 

num sítio já combinado com um fotógrafo 

que fez a fotografia de grupo, 

depois o Guia esteve 20 minutos a dar as explicações 

que achou por bem, para que pudessemos fazer a 

visita livre, cada qual ao seu ritmo e deu-nos 

também uma hora e marcou o lugar do nosso 

reencontro com o Guia para continuar o resto da visita








e, os balões continuavam pelo ar








portas, janelas e também registei uma das 

placas afixadas que encontrei em todas as igrejas 

que visitei, não se podia fotografar, havia em cada 

gruta/igreja um fiscal a controlar a entrada e avisava 

logo: No Photos!

Lindíssimos frescos vi, cresce uma revolta dentro de 

mim e fico logo com vontade de nem entrar

pois sei que se fizermos a foto sem flash 

não há perigo para os frescos, 

mas por causa de uns, pagam os outros 

esta placa foi à entrada da "Igreja da Maçã" Elmali




ao menos, deliciei-me a olhar para o ar 

e podia fotografar tudo o que quisesse










a foto para recordar no futuro, 

que pedi a alguém com quem me cruzei 

e que desconhecia...

bem cedo, estava fresco no mês de Outubro



aproximava-se a hora do reencontro com o Guia 

e, continuarei no próximo post esta aventura



sábado, 16 de maio de 2020

DANCING ON AIR



O passeio continuou 

pelo resto da tarde






visitei algum do artesanato local



uma região com muitas peças de barro




fomos para o autocarro com destino 

ao Hotel onde iria jantar e pernoitar

muitas tabuletas indicativas, pelo caminho





cá está uma imagem do enorme 

HOTEL PERISSIA




com uma excelente zona exterior, esplanadas 

e até uma piscina à nossa espera; 

ainda chegamos bem de dia, com tempo de 2 horas 

livres antes do jantar






aproveitei para fazer alguns clicks, 

este é o símbolo do Hotel Perissia




na zona da recepção este placard mostrava a data 

- 2ª feira - 29 de Outubro de 2018 - as horas - preços

temperatura e imagens do Hotel de 5 estrelas




o Hotel tem vários blocos de quartos e aqui saio de 

um deles, onde fica o meu quarto e...restaurante

isso interessa, esta viagem teve todas as refeições incluídas




este lindíssimo e enorme candeeiro está no hall 

de entrada do Hotel, quando vamos para a recepção




entretanto estava na hora de jantar e fui jantar, 

depois ao sair do restaurante já tinha escurecido 

e foi esta a imagem que vi...




quando terminei de jantar fui ao meu quarto mudar 

de roupa, pois esta noite tinhamos um programa extra, 

com danças típicas e lá fui no autocarro 

para o show nocturno... quem ia de madrugada andar de 

balão foi-se deitar mais cedo pois tinham que acordar 

às 4h da manhã... eu só tinha que acordar 

às 7h 30m para o pequeno-almoço às 8 horas!




as fotos do interior da caverna não ficaram bem, 

peço desculpas, muitas luzes directas e indirectas 

não permitem fazer boas fotos, aqui estou eu 

junto a três brasileiros do Grupo








nosso grupo ficou longe do centro, onde se efectuava 

o show, ainda não entendi porque algumas pessoas 

ficam quase em cima dos bailarinos e outras ficam tão 

longe, terá a ver com os grupos e os guias que nos acompanham? 

acho que sim, o nosso guia nada fez para nos 

proporcionar um bom espectáculo, tive que me levantar 

e ir até perto, para fazer algumas fotos, pois onde 

estava só apanhava as cabeças de pessoas à minha frente









e, assim terminou mais um dia de viagem...

Amanhã o dia promete!